skip to Main Content

Páscoa em família durante a quarentena – dia 26

Páscoa Em Família Durante A Quarentena

Só deu tempo de ler meus devocionais e a Catarina logo me chamou para deitar um pouquinho com ela, isso era 6h30. Vi que ela não iria dormir de novo, então eu precisava acordar o Cauê devagarinho.  Deu certo e logo os dois estavam procurando a cesta de Páscoa que fiz antes de dormir. Começamos nosso dia e nossa Páscoa em família com uma oração, agradecendo ao sacrifício de Jesus na cruz, pedindo perdão por nossos pecados e agradecendo pela vida.

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

O primeiro a achar foi o Cauê, confesso que estava bem fácil. Catarina achou que não iria ganhar, quase chorou, mas o irmão foi solidário e os dois começaram a procurar. Ela mesma encontrou a cesta e vibrou de felicidade. Essa sim gosta de besteira. Cauê experimentou alguns chocolates mas ele ficou feliz mesmo foi com o livro que veio junto. Catarina ganhou um box com quatro livros infantis da Ciranda Cultural, que também amou e já pediu para eu ler. Entre uma e outra abocanhadas de chocolates das crianças, eu lia uma historinha. 

As cestas de Páscoa depois viraram caminha para os ursos da Catarina, com direito a lençóis cobertores. Cauê não sossegou enquanto não terminou o livro O Enigma da Bíblia de Guttemberg, publicado pela Editora Mundo Cristão. Ele já tinha o segundo livro e queria muito ter o primeiro. Já está todo empolgado para fechar a coleção e, eu espero o Dia das Crianças para realizar a vontade dele, rs!

Nós resolvemos encomendar o almoço de Páscoa de um restaurante aqui de Jaraguá do Sul, como forma de valorizar o comércio local. Então, aproveitei que tive um tempo extra para fazer uma sobremesa: bolo de bolacha gelado. Meu spoiler é que o creme ficou uma delícia, contudo, muito líquido. Preciso testar novamente, rs! Para deixar o creme bater mais e ter mais consistência.

Eu não sou de fazer sobremesa, confesso. Faço muito mais bolos aqui em casa do que doces, então minhas habilidades nesse ramo culinário precisa ser aprimorado. No próximo fim de semana quero testar pudim de leite e novamente esse bolo de bolacha gelado. Sério, é muito bom! Vou colocar a foto para vocês para salivarem, assim que pegar o jeito da receita, eu posto ela para vocês, combinado?

bolo de bolacha gelado
Sobremesa da nossa Páscoa em família: bolo de bolacha gelado

Minha sogra veio almoçar aqui em casa, ela é sozinha e foi muito bom que ela esteve conosco. As crianças brincaram muito e até acertaram as casquinhas de ovos na cabeça do pai. Não sei da onde surgiu “tradição”, mas lá em casa a gente não fazia dessas. Aliás, na minha época o que vinha dentro dessas casquinhas era somente o irresistível amendoim doce de Páscoa. Agora, é aquele chocolates estilo M&M, balas de goma e os meus receberam uva passas, castanha de caju e amêndoas. Fazer o que, as coisas mudam e nós nos adaptamos, né?

À noite, antes de fazer as crianças dormirem mostrei à elas um CD de música infantil que eu ouvia na fita cassete antes de dormir, por sorte encontrei no YouTube e são músicas para estimular o sono, são tranquilas e aconchegantes. Será que preciso contar que eles dormiram bem rapidinho? Rs!

Diário de uma mãe em quarentena
1. O dia que parecia que não tinha fim – dia 12
2. A sociedade que não existirá mais – dia 13
3. Uma tempestade em dia de sol — dia 14
4. Nada como um dia após o outro – dia 15
5. Home school: desafio imposto pelo coronavírus – dia 16
6. O renovo de um abraço – dia 17
7. Como dispensar o tédio na quarentena? – dia 18
8. O motivo que nos fez sair de casa: vitamina D – dia 19
9. As dores do ócio na quarentena – dia 20
10. Uma arca chamada casa – dia 21
11. Esperança por dias melhores e a Páscoa – dia 22
12. Tradição que marcou a história da humanidade – dia 23
13. Profundas reflexões ou pirações de uma mãe em quarentena! – dia 24
14. Páscoa em família durante a quarentena – dia 26
15. Segunda-feira nossa de cada semana – dia 27
16. Quando circunstâncias preocupantes invadem a mente – dia 28
17. A loucura virou rotina com o vírus chinês – dia 29
18. 30 dias em quarentena e um novo normal – dia 30
19. As respostas que ninguém tem – dia 31
20. É possível se sentir livre e leve dentro de casa? – dia 32
21. A privação da liberdade não acabou – dia 33
22. Borbulhas – dia 34
23. Vassoura em busca do sindicato – dia 35
24. Aulas práticas de química na maternidade – dia 36
25. Jejum de palavras negativas – dia 37
26. Coisas simples da vida que fazem a diferença – dia 38
27. O olhar da janela: o que ele comunica para você? — dia 39
28. Quarenta dias de um diário de uma mãe em quarentena – dia 40
29. Paciência: a palavra da quarentena – dia 41
30. A brevidade dos nossos dias – dia 42
31. Dias e dias: os altos e baixos da quarentena – dia 44
32. Senhor avestruz e sua cara de paisagem – dia 48
33. Um dia exclusivo para as meninas – dia 53
34. Dia das Mães na quarentena – dia 54
35. Quando a falta de perspectiva bate na porta – dia 55
36. Desistir ou não, eis a questão? – dia 56
37. Detalhes contém um grande significado – dia 57
38. Peço licença para um pequeno desabafo – dia 58
39. Mozart e o poder do foco – dia 59
40. Sessenta dias em quarentena – dia 60

Domingo, 12 de abril de 2020

Back To Top