skip to Main Content

Um dia exclusivo para as meninas – dia 53

Um Dia Exclusivo Para As Meninas – Dia 53

Sábado se tornou o dia oficial da limpeza. Pode parecer estranho, mas nunca tive disso. Limpar o apartamento no sábado é o dia que faz sentido para nossa rotina atual. Durante a semana faço o básico como passar uma vassoura, tirar o lixo e tentar manter as coisas em ordem, mas como vocês devem imaginar, com duas crianças isso é algo bem desafiador. Esse hábito de sábado tem me deixado animada para criar uma nova tradição: o dia exclusivo para as meninas.

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

Então, tem sido assim meu último dia da semana é o dia de dar aquela geral no apê: lavar o banheiro, arredar os móveis, tirar as teias de aranha do teto, limpar cada cantinho. Contudo, não quero criar uma imagem de “amélia”, não pense que só faço isso. Na verdade, estipulei o horário das 8h às 12h e cada fim de semana eu limpo algo que está me incomodando como por exemplo limpar o ventilador que estava grosso de tanta poeira acumulada. 

Diogo, meu marido, também estava bem empolgado em cuidar da casa e aproveitou o dia para trocar os espelhos das tomadas e dos interruptores. Antes era um modelinho mais simples e desde que nos mudamos para esse apartamento era algo que queríamos muito fazer. Estamos melhorando um pouco a cada dia que passa (não literalmente, rs!), sabemos que tudo custa e optamos por fazer aos poucos, sem pressa. Esse é mais um item que podemos riscar da nossa lista de conquistas de 2020.

Mas voltando ao título do post de hoje e ao parágrafo de abertura do texto, quero aproveitar os sábados para instituir um dia exclusivo para as meninas. Assim como a limpeza da casa é algo importante, cuidar da nossa autoestima também é. E nos conectarmos com nossos filhos é tão fundamental para o relacionamento de mães e filhos que começa quando são pequenos para que quando chegarem na adolescência e na fase adulta, também mantenhamos esse laço. No caso, para quem é mãe de menina é uma maneira de demonstrar que podemos equilibrar as diversas áreas de nossa vida.

Levei a Catarina para fazer as unhas pela primeira vez na manicure hoje. A Helô é um amor de pessoa e cuidou dela com todo carinho do mundo, batendo altos papos com ela que colaborou oferecendo os dedinhos toda mocinha na cadeira. A felicidade era tanta que não cabia dentro dela, estava toda exibida com suas unhas rosinha claro com muito glitter cor de rosa, rs! Ela viu os esmaltes coloridos azul, roxo, verde e se empolgou claro. Mas com jeitinho convenci de pintar com um esmalte clarinho e aí pintei também das mesmas coisas para ficarmos tal mãe, tal filha! =)

unha tal mãe e tal filha - BlogMamae&Cia

Saímos de lá e fomos tomar um café. A preocupação e questionamento foi como eu poderia comer sem estragar as minhas unhas. 😍 Para mim foi um café com uma banoffee e para ela foi suco e bolo de chocolate. 

Os últimos livros que li sobre educação de filhos os autores expõem como é importante o cultivo do relacionamento entre pai e filho para que este cresça e se fortaleça. Também destacam a importância da atenção exclusiva para cada filho.

Ao refletir sobre esses conhecimentos é que quero fazer uma tradição para mim e para Catarina de termos esse tempo para nós duas. Ainda é cedo para dizer que vou conseguir cumprir todo sábado, mas querer é poder. Acredito que é questão de comprometimento e que será possível. Já estou imaginando as coisas diferentes que podemos fazer juntas como piquenique, cinema, cafés, caminhadas, etc. Não precisa ser sempre igual e nem ser caro. Precisa de esforço em estar presente de verdade. 

Ao fim do dia sentamos para assistir a reportagem sobre o Dia das Mães que gravamos para a Band. Ficou tão linda, vou deixar aqui para vocês assistirem também!

Post Series: Diário de uma mãe em quarentena

Sábado, 09 de maio de 2020

Back To Top