skip to Main Content

Lindos dias de sol para espantar a tristeza da reclusão – dia 25

Lindos Dias De Sol Na Quarentena

O sol resolveu brilhar mais uma vez. Fazia muito tempo que eu não via isso acontecer tantos dias seguidos, acredito que desde que estamos enclausurados tem feito lindos dias de sol. Acordar de manhã, abrir a sacada e já se deparar com um lindo nascer do sol já traz alegria logo cedo. As roupas, cobertores e lençóis estão mais sorridentes porque basta pendurar nos nosso humildes varais na sacada do apartamento que eles secam todos. 

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

Confesso que é frustrante trabalhar fora e perder dias lindos de sol como esses que poderiam secar toda roupa e arejar a casa. Mas como não é o caso, estou muito feliz por usufruir deste tempo proporcionado por Deus – sim, vamos focar nas coisas boas dessa quarentena. Além disso, tenho comigo que dias de sol trazem mais alegria pro lar, mesmo que as crianças não possam ir lá para fora, eles tem dado um jeito de brincar, se divertir e gastar energia. Digamos que eles têm feito muitas guerrinhas com os pinos mágicos.

Vejo muitas pessoas pensando no que inventar com as crianças em casa. Esse período de reclusão tornou os pais muito mais criativos com seus filhos. Lembro que na primeira semana eu recebia diariamente vários arquivos em pdf com atividades para fazer em casa com as crianças. Mas de que adianta enviar esses arquivos para famílias que não tem como imprimir como nós? Penso que não somos os únicos que não tem uma impressora em casa, e tem que se virar com atividades além do que o computador permite. A imaginação de criança precisa de espaço para que possa criar, se constantemente estamos empurrando atividades para eles, eles não precisam criar um novo brinquedo, explorar os que já tem e também nem usar a imaginação. Ah, o tédio também é importante, para que eles possam descansar a mente e aprender a lidar com esse tipo de situação na vida. Todos estamos aprendendo nessa quarentena, rs!

Cauê tem assistido alguns canais de mágicos no YouTube que ensinam suas mágicas e fica fazendo de nós a sua plateia. O tempo de tela é limitado e dá para contar nos dedos quantos filmes eles assistiram na Netflix, preferimos que eles brinquem muito mais. Tem um livro que tem uma abordagem interessante sobre a morte e também sobre a criatividade, o Janela de Isabela, diz que a televisão rouba a criatividade e que a menina fica triste porque não consegue mais inventar e nem imaginar novas histórias. A sua avó resgata sua imaginação com uma série de objetos comuns e que fazem a mente da menina dar novas asas à imaginação.

O governo do estado de Santa Catarina decretou mais um período longo de reclusão. As escolas só retornarão no dia primeiro de junho, isso nos leva a ficar a praticar ainda mais o home school, que tem levado vários pais à loucura, principalmente porque muitos de nós estamos tentando manter nossas atividades profissionais em funcionamento da maneira que conseguimos. Fácil certamente não é, minha esperança é que sairemos dessa situação e vivamos uma sociedade totalmente transformada e renovada. É uma situação muito delicada, levantar debater políticos não vai mudar nossas vidas. De fato, precisamos dar as mãos e nos unir para ajudar quem precisa e também nos fortalecer como família.

Esses dias lindos de sol nos trazem esperança de que tudo isso passe logo, é como se ele acendesse a chama da esperança em nossos corações a cada amanhecer. Pode reparar que em dias mais nublados e chuvosos a nossa tendência é ficar mais deprimidos, por isso acredito que esses dias de sol tenham sido enviados por Deus para manter a esperança de dias melhores. Amanhã é domingo de Páscoa, precisamos nos lembrar que Jesus morreu para nos perdoar dos nossos pecados, mas ele também ressuscitou para garantir que nem a morte, nem a vida, nem anjos, nem principados, nem coisas presentes, nem futuras, nem potestades, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura nos poderá separar do amor de Deus,que está em Cristo Jesus nosso Senhor. (Romanos 8:38-39). Deus me ama e te ama a ponto de sacrificar o filho dele e nos resgatar e torná-los suas filhas. Basta você se arrepender dos seus pecados e convidar Jesus para morar em seu coração que será chamada filha de Deus! Se você ainda não fez esse convite, não perca tempo. Ele é a nossa esperança verdadeira, a nossa rocha firme que nunca muda e o melhor está de braços abertos para te receber!

Desejo um domingo de Páscoa abençoado e cheio da presença e do amor de Jesus em sua vida!

Diário de uma mãe em quarentena
1. E agora, coronavírus? – dia 0
2. Mudança na rotina – dia 1
3. Reclusão, agora é mais que real! – Dia 2
4. Home office: Como conciliar a vida de mãe e profissional? – Dia 3
5. Valorizar as pessoas e não as coisas – Dia 4
6. A vida fora do piloto automático – dia 5
7. Meditação de manhã: costume que traz paz – dia 6
8. A ideia do diário da quarentena – dia 7
9. Deus é paz: firmar meus pés na verdade – dia 8
10. Acredite nas promessas de Deus para sua vida – dia 9
11. Ritmo de vida: Encontre o seu durante a quarentena – dia 10
12. Clube das 5 da manhã até na quarentena – dia 11
13. O dia que parecia que não tinha fim – dia 12
14. A sociedade que não existirá mais – dia 13
15. Uma tempestade em dia de sol — dia 14
16. Nada como um dia após o outro – dia 15
17. Home school: desafio imposto pelo coronavírus – dia 16
18. O renovo de um abraço – dia 17
19. Como dispensar o tédio na quarentena? – dia 18
20. O motivo que nos fez sair de casa: vitamina D – dia 19
21. As dores do ócio na quarentena – dia 20
22. Uma arca chamada casa – dia 21
23. Esperança por dias melhores e a Páscoa – dia 22
24. Tradição que marcou a história da humanidade – dia 23
25. Profundas reflexões ou pirações de uma mãe em quarentena! – dia 24
26. Lindos dias de sol para espantar a tristeza da reclusão – dia 25
27. Páscoa em família durante a quarentena – dia 26
28. Segunda-feira nossa de cada semana – dia 27
29. Quando circunstâncias preocupantes invadem a mente – dia 28
30. A loucura virou rotina com o vírus chinês – dia 29
31. 30 dias em quarentena e um novo normal – dia 30
32. As respostas que ninguém tem – dia 31
33. É possível se sentir livre e leve dentro de casa? – dia 32
34. A privação da liberdade não acabou – dia 33
35. Borbulhas – dia 34
36. Vassoura em busca do sindicato – dia 35
37. Aulas práticas de química na maternidade – dia 36
38. Jejum de palavras negativas – dia 37
39. Coisas simples da vida que fazem a diferença – dia 38
40. O olhar da janela: o que ele comunica para você? — dia 39
41. Quarenta dias de um diário de uma mãe em quarentena – dia 40
42. Paciência: a palavra da quarentena – dia 41
43. A brevidade dos nossos dias – dia 42
44. O pesadelo que rende uma noite mal dormida – dia 43
45. Dias e dias: os altos e baixos da quarentena – dia 44
46. Dia do trabalho com a mão na massa – dia 45
47. Limpar a casa e curtir a família – dia 46
48. Boas maneiras começam em casa – dia 47
49. Senhor avestruz e sua cara de paisagem – dia 48
50. Império Lego contra Heartland: quem ganhará? – dia 49
51. A escrita e a quarentena – dia 50
52. Facilidades complicadas, temos! – dia 51
53. Saudades da rotina tranquila – dia 52
54. Um dia exclusivo para as meninas – dia 53
55. Dia das Mães na quarentena – dia 54
56. Quando a falta de perspectiva bate na porta – dia 55
57. Desistir ou não, eis a questão? – dia 56
58. Detalhes contém um grande significado – dia 57
59. Peço licença para um pequeno desabafo – dia 58
60. Mozart e o poder do foco – dia 59
61. Sessenta dias em quarentena – dia 60

Sábado, 11 de abril de 2020

Back To Top