Oiiii…

Minha mãe mora à 260 km de distância de nós e procuramos nos ver sempre que possível. Nos falamos quase todos os dias. Somos amigas e confidentes. Algo que sempre quis quando era adolescente. Acho que depois que crescemos aprendemos o verdadeiro valor que eles (pais) tem em nossas vidas e como cada minuto é extremamente importante.

Final de semana nós tivemos o privilégio de comemorar mais um ano de vida da minha mãezinha querida. E planejei muito em estar nesse momento presente. Aproveitar, curtir e incomodar também, dar aquele abraço apertado… Como é bom!!!

Festa para ela em ver as crianças e vice versa. Festa na casa da vovó!!!

Minha mãe comprou uma pinha de pinhão. O Cauê teve a honra em abrir… não foi moleza… na quarta tentativa a pinha não resistiu e abriu-se toda, esparramando pinhão por todo chão da cozinha. Comer pinhão assado na chapa do fogão a lenha, sentar em volta da mesa e jogar papo fora…

Visitamos o meu avô também. Única referência de avô que nossos filhos tem, porque nossos pais já faleceram. Quem eles chamam de vovô, na verdade, é o bisavô. Colhemos tangerina direto do pé, comer ali mesmo e depois levar mais uma sacola cheia, com um baita sorriso no rosto do nosso velhinho, não tem preço!

A vida é cheia de pequenos e valiosos momentos. Pessoas são importantes e temos que dar o devido valor à elas enquanto estão por perto. Enquanto podemos sentir seu cheiro, abraçar e sentir o coração pulsando.

Não adianta chorar o leite derramado depois que sujou o fogão, não é mesmo!?!

 

Ahhh… o melhor presente da vovó, acredito que foi ouvir da netinha: “vovó!” (smile de coração)

 

IMG 20160625 143238439 copy copy  IMG 20160625 143428514 copy  IMG 20160625 090741763 copy  IMG 20160625 170337688 copy copy  IMG 20160625 110523419 copy  IMG 20160625 105005307 HDR copy

 

Uma excelente semana a todas…. e lembre-se de abraçar e amar as pessoas que estão perto de vocês! :)

Mãe do Cauê e da Catarina :)





Confira também