skip to Main Content
Comparação é O Ladrão Da Felicidade – Dia Das Mães

Comparação é o ladrão da felicidade – Dia das mães

Nesse dia das mães, quero trazer uma reflexão sobre como nós colocamos um peso extra em nossa maternidade e em nossos filhos. Esse peso se chama comparação. Quer se sentir frustrada e desanimada? Se compare com outra mulher, com outra mãe, com outra família… Afinal, já dizia o ditado: “A grama do vizinho sempre é mais verde”. SQN! Só que não… Você pode ser a grama verde de outra mulher… e assim por diante.

Quero que com esse texto, fazer vocês refletirem sobre VIVER A MATERNIDADE tão intensamente, viver os erros, aprender com eles e encarar essa fase da vida com uma verdadeira bênção… mesmo quando você está padecendo no paraíso,viu!

Comparação é o ladrão da felicidade

Eu sei, seu filho de quase 4 ainda não dorme a noite inteira enquanto o recém nascido da vizinha dorme 12 horas seguidas.
Eu sei, seu bebê não come mais que 3 colheradas da papinha enquanto o filho da cunhada do seu tio come 13 brócolis por dia.

Comparação é o ladrão da felicidade.

Eu sei, você não lava o cabelo direito há 3 dias enquanto a fulana que você segue no Instagram vai pra academia, salão, dentista, mercado, e ainda publica dicas sobre moda.
Eu sei, seu bebê ainda não engatinha mas o menino de 8 meses da prima do seu marido já anda, da piruetas e se duvidar já até nada de costas.

Comparação é o ladrão da felicidade.
Eu sei, você mal entra nos seus jeans antigos enquanto a mãe de trigêmeos na salinha do pediatra parece ter a bunda mais dura que o seu cotovelo.
Eu sei, você está sempre atrasada, esquecida, cansada. E sua sogra te lembra, mais uma vez, que fazia tudo o que você faz e ainda usava fralda de pano e algodãozinho com água e sabão.

Comparação é o ladrão da felicidade.
Eu sei, você ficou 39 horas em trabalho de parto enquanto a filha da dentista, que nem sabia que estava grávida, foi usar o banheiro e pariu.
Eu sei, seu marido não acorda de madrugada enquanto o marido da enteada do motorista do Uber faz questão de deixar a esposa descansar.

Comparação é o ladrão da felicidade.
Eu sei, você só lembra de descongelar o peito de frango 20 minutos antes do jantar, enquanto a mãe da coleguinha do ballet cozinha cenouras em formato do castelo da Elsa.
Eu sei, você não tem forças para sair de casa no domingo de manhã enquanto a irmã da sua concunhada leva os filhos na feira, no parque, na praia, na chuva, na rua, na fazenda.

Comparação é o ladrão da felicidade.

Eu sei, você chora no banho com a certeza de que esta fazendo tudo errado, enquanto todas as outras mães citadas acima também choram no banho com a certeza de que estão fazendo tudo errado.

E ainda assim: Comparação é o ladrão da felicidade”

Texto: A Maternidade por Rafaela Carvalho

 

Desejo a todas vocês, um lindo dia das mães, que vocês possam ser lembradas e amadas por toda dedicação que vocês oferecem aos filhos de Deus. Lembre-se sempre: Você foi escolhida por Deus para amar, cuidar e abençoar seus filhos, por isso, você É a melhor mãe que eles poderiam ter!

Feliz dia das mães!

Mãe do Cauê e da Catarina, esposa do Diogo Petermann. Casada há 11 anos. Apaixonada por brigadeiro de panela, pipoca e Grey’s Anatomy!

This Post Has 2 Comments
  1. Oi Karin,
    um ótimo texto para refletirmos. E é incrível como sempre nos comparamos com quem aparentemente faz melhor do nós, né? Precisamos parar com essas comparações, precisamos ser mais tolerantes com nós mesmas. Focar no tanto de coisas boas que fazemos. Porque fazemos sim muitas coisas boas.
    beijos
    Chris

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top