skip to Main Content
Como Falar Sobre Política Com As Crianças

Como falar sobre política com as crianças

Em todos os cantos da cidade e não importa qual seja a sua cidade, está cheio de pessoas segurando bandeiras, entregando santinhos, além de ser o tema principal nas rádios e jornais.  Como pais, não podemos esperar que nossos filhos não sejam influenciados por essa blitz da mídia e por isso, é essencial que os pais conversem sobre política com as crianças.

É importante saber o que as crianças pensam sobre essas questões e como elas podem afetar sua família. Falar sobre isso não só ajuda a promover o aprendizado e desenvolver habilidades de pensamento crítico, mas também permite que você esclareça equívocos que seus filhos possam ter ou acalmar qualquer receio sobre o futuro.

 

Mantenha-se positiva ao falar de política com as crianças

No calor da véspera das eleições presidenciais, sentimentos fortes sobre questões difíceis podem desencadear divergências. Use essa oportunidade para mostrar às crianças como expressar diferenças de opinião com respeito, firmeza e convicção.

Diga o que você não gosta sobre um candidato ou sua posição e explique o que você gosta sobre seu candidato de escolha. Incentive seus filhos a fazer o mesmo. Concentre-se nos atributos positivos do seu candidato – fale sobre quem ele é, as propostas deles e permita que seus filhos também possam expressar o que eles acharam interessante e positivo em seus candidatos. Aqui é importante você estabelecer um diálogo amigável e não impor sobre seu filho o seu candidato. É como se fosse uma espécie de treino onde ele tem a oportunidade de debater, de igual para igual, ninguém ganha nem perde, apenas tem a possibilidade de analisar outros candidatos sobre uma nova perspectiva.

Seja reconfortante

O cenário político brasileiro não é um dos melhores e talvez as crianças estejam preocupadas com o que as pessoas estão dizendo sobre cada candidato, os discursos e planos de governo. Lembre-se que elas são esponjinhas e estão atentas às conversas, mesmo quando estão distraídas brincando. Por exemplo: eles podem temer que a família perca a casa ou os pais fiquem desempregados.

Ouça suas preocupações e forneça segurança e perspectiva. Se você está enfrentando problemas financeiros, seja honesto e diga aos seus filhos (de uma maneira apropriada à idade) e compartilhe com eles o que vocês estão fazendo para lidar com a situação.

Sugira que eles se envolvam

Muitas crianças estão bastante interessadas e preocupadas com os eventos atuais. O fato deles tomarem uma atitude faz com que se sintam fortalecidos e sejam eficazes para desenvolver habilidades que os ajudem a resolver problemas. Afinal de contas, precisamos e podemos utilizar as situações do dia a dia para ensinar nossos filhos a tomarem decisões sábias.

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

Ajude as crianças a pensar no que elas podem fazer. Fale sobre como pequenas coisas podem se somar para fazer uma grande diferença.

Uma maneira de envolver as crianças e tornar lúdico o aprendizado pela política para as crianças é ver um “problema” em casa e conversar sobre como vocês em família poderiam resolver. Aceitar sugestões e colocar a mão na massa para que as crianças vejam o problema resolvido. Ensinando assim que da mesma forma é a eleição, nós escolhemos um candidato que consiga cuidar de alguns problemas do país (porque a gente sabe que eles não conseguem resolver todos, assim como nós).

 

O dia da votação

Conversar com seus filhos sobre questões importantes, o processo eleitoral e por que votar é importante não apenas dá a eles uma pequena lição sobre como o governo afeta o mundo, mas também mostra que a opinião de cada pessoa conta. Embora eles ainda não possam votar, eles serão capazes um dia, então é importante que eles comecem a se informar.

Se possível, leve seus filhos com você para o estande de votação no dia da eleição para mostrá-los como o processo funciona. Seja um modelo, definindo um exemplo positivo que permita que eles saibam que você valoriza o direito de votar. Mostre aos seus filhos a importância de votar – e eles crescerão sabendo que cada voto conta.

 

Gostou desse texto? Compartilhe em suas redes sociais!

Mãe do Cauê e da Catarina, esposa do Diogo Petermann. Casada há 11 anos. Apaixonada por brigadeiro de panela, pipoca e Grey’s Anatomy!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top