skip to Main Content

Como Dar Banho No Bebê Durante O Inverno

O inverno chegou e, com ele, o “medo” de tirar a roupa e enfrentar o chuveiro. Isso para os adultos. Para os bebês, a situação pode parecer mais fácil, já que eles não “reclamam”. Mas, justamente por não reclamarem é que os pais e cuidadores precisam ficar atentos – tanto para o bebê não sofrer com a temperatura quanto para não criar um medo desnecessário desse momento.

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

Acreditamos que a hora do banho é aquele momento de o cuidador criar um vínculo maior com o bebê – eles geralmente gostam dessa atividade, já que se lembram do movimento quando estavam no útero da mamãe, o lugar mais gostoso do mundo para eles!

Pensando na segurança e no bem-estar do bebê, a Styll Baby reuniu 10 dicas para ajudar neste momento. Confira:

  • Casa quentinha: prepare um ambiente quentinho, independente de qual cômodo será realizado o banho, se no quarto ou no banheiro. Para isso, deixe as janelas fechadas e, em dias mais gelados, vale até deixar um aquecedor ligado para o pós-banho;
  • Antes do banho: deixe à mão tudo o que for necessário como sabonete, shampoo e toalha. Dê preferência por toalha-fralda com capuz, para ajudar a esquentar mais rápido;
  • Horário: escolha os momentos mais quentes do dia, entre 12h e 15h;
  • Disposição do bebê: os pais ou cuidadores devem reparar se o bebê está fisicamente “disposto”. Para isso, basta conferir se a criança apresenta sonolência, lentidão ou se as extremidades (como mãos e pés) estão frias ou se está com os lábios arroxeados. Se existir pelo menos uma dessas opções, o ideal é adiar o banho, aquecer o pequeno e ficar de olho para acompanhar sua melhora;
  • Choque térmico: para evitar um possível choque térmico, os pais precisam ficar atentos com as mudanças bruscas de temperatura. Para isso, prefira tirar a roupinha do bebê diretamente no cômodo onde será o banho, em vez de enrolá-lo na toalha;
  • Temperatura da água: conserve a temperatura da água entre 36 e 37°C. Lembre-se que a pele do bebê é supersensível. Se a temperatura estiver mais baixa, o bebê sentirá frio, e se estiver mais alta, pode queimar a pele do pequeno. Para conferir se a água está boa, basta colocar o pulso na água e sentir se a temperatura está agradável ou então, use um termômetro apropriado para banheiras. Nos dias mais gelados, não abuse do tempo de imersão, pois a água esfria rapidamente;
  • Quantidade de água: para bebês de até 6 meses, o ideal é colocar pouca água na banheira, o suficiente para acomodar o bebê com água até os ombros quando deitado e apoiado nas mãos do cuidador. Após essa fase, opte por banhos com o bebê sentado, para maior segurança;
  • Ressecamento da pele: a água muito quente, aliada à uso excessivo de cosméticos, como shampoo e sabonete, pode ressecar a pele fina do bebê. Por isso, além de conferir sempre a temperatura da água, vale também ter parcimônia no uso dos produtos;
  • Organização: para facilitar o pós-banho, vale deixar a cômoda (ou o local onde o bebê será trocado) bem-organizada e com todos os itens necessários à mão, como fralda, pomada e a roupinha;
  • Pós banho: assim que tirar o bebê da banheira, enrole-o bem e seque seu corpo rapidamente, sem esquecer das dobrinhas! Enquanto coloca a fralda, deixe o bebê enrolado na toalha, para não esfriar. Depois que a criança já estiver completamente vestida, vale uma sessão de colo em um abraço gostoso e quentinho!

DICA EXTRA: você sabia que cerca de 10 segundos são suficientes para que a criança dentro da banheira fique submersa (segundo informações da Fiocruz)? Por isso, vale lembrar que ele não deve ficar sozinho durante o banho em nenhuma hipótese, isso jamais pode acontecer, nem por um único segundo! Precaução nunca é demais!

Styll tem como objetivo fazer parte de cada etapa da vida da criança. E o banho não poderia ficar de fora. A empresa desenvolveu banheiras que atendem às necessidades dos pais, proporcionando conforto e segurança. Confira as peças:

Conheça os detalhes:

  • Robusta e com estrutura super-resistente;
  • Com saboneteira embutida, porta-shampoo e condicionador;
  • Prático, o porta-chuveirinho auxilia os pais, deixando o chuveirinho sempre à mão;
  • Graduada (15L, 20L, 25L, 30L e 34L), facilita o controle da quantidade e temperatura da água na mistura, característica superimportante, principalmente no inverno e em dias mais frios, quando é necessário “temperar” a água, até atingir uma temperatura adequada para o banho do bebê;
  • Capacidade: 34 litros.
Back To Top