skip to Main Content

Brincadeiras durante o recesso de final de ano para fazer com crianças de até 6 Anos

Recesso de final de ano é oportunidade de aproximação entre pais e filhos por meio de brincadeiras que ajudam no desenvolvimento infantil

Com a chegada do recesso de final de ano, pais e mães se desdobram para preencher o tempo livre com suas crianças, mas atualmente há um desafio maior: como se divertir e aprender através de brincadeiras sem sair de casa e evitando contato com outras pessoas nestes tempos de pandemia?

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

Pensando nisso, a Carinos, startup especializada em soluções para a primeira infância e criadora do ZapCarinos (que fornece gratuitamente dicas de como brincar com os filhos em casa no WhatsApp), elaborou uma lista de sugestões para papais e mamães brincarem com seus filhos de até 6 anos de idade.

Para bebês (9 meses até 1 ano e 6 meses)

  • A cabaninha

Use alguns móveis da sua casa e monte um espaço que você possa cobrir com tecido por cima e que caiba você e seu bebê embaixo. Entre na cabaninha com o bebê, leve alguns brinquedos e até lanterna se você tiver (no celular tem). Agora é só usar a imaginação e brincar nesse espaço diferente com seu bebê.

  • Vamos brincar de roda

Cantando e fazendo gestos de cantigas de roda, vamos envolver o bebê na atividade junto à família. Vamos convidar o bebê para participar dando as mãos. Vamos fazer os movimentos, gestos e expressões ao cantar e dançar em roda com a família, junto ao bebê. Se o bebê for menor, ele pode ficar no colo.

  • Vamos desenhar

Coloque carvão, giz de cera grosso ou canetinhas na caixa de papelão e convide o bebê a explorar e a deixar suas marcas. Enquanto o bebê explora do jeito dele, fale sobre as marcas que ele fez e estimule a curiosidade para que ele deixe marcas também nos outros lados, inclusive dentro. Auxilie-o se necessário.

Para crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses até 3 anos e 11 meses)

  • Brincando com a imaginação

Procure fotografias, imagens em revistas e livros de diferentes paisagens, como: praia, floresta, deserto, cidades, entre outras. Caso não tenha imagem em casa, use desenhos feitos por você. Deixe expostas as imagens em um local de fácil acesso à criança como em uma parede ou no chão e converse com a criança sobre elas. Depois que a criança observou as imagens, incentive-a a criar histórias sobre o que vê, por exemplo: “Olhe, a gente poderia brincar do que nesse lugar?”, “Que floresta linda, será que mora algum animal ali?”

  • Criando sons

Vamos cantar cantigas de roda e convidar a criança a acompanhar as músicas com objetos que façam barulho como garrafinhas com grãos, colheres, latas ou tampas de panela.

  • Ganhar e perder

Para brincar de “O Coelho Sai da Toca”, precisamos organizar os participantes e as tocas. Por exemplo: com quatro participantes, vamos precisar de três círculos ou quadrados que podem ser desenhados no chão, para serem as “tocas do coelho”. “Ao nosso comando: “coelho sai da toca”, os participantes terão que trocar de “toca”. Porém, alguém ficará de fora. Enquanto brincamos, vamos ajudar a criança a compreender que em algum momento ela ficará sem uma toca, mas que na rodada seguinte ela terá a oportunidade de entrar em alguma.

Para crianças pequenas (4 anos até 5 anos e 11 meses)

  • Expressando emoções

Vamos anotar em pedaços de papel expressões faciais, como: feliz, triste, animado, chateado, mostrando a língua, entre outras. Vamos ler cada papel com a criança e convidá-la a desenhar a expressão no papel. Sorteamos os papéis e cada um faz uma expressão para o outro adivinhar. Vamos perguntar para ela o que cada expressão representa.

  • Minha família

Separe fotos diversas da família, impressas ou virtuais. Ache um lugar confortável e mostre as fotos para a criança. Convide a criança a falar sobre as pessoas da foto. Conte a história da família. Pergunte como a criança se sente ao olhar as fotos e ouvir as histórias.

  • O que acha

Organize um ambiente aconchegante. Separe fotos da criança em passeios, em aniversários ou na escola. Convide a criança para ver suas fotos. Pergunte se ela gostou e a incentive a falar sua opinião. Faça perguntas como “o que você gostou na foto?” ou “O que você não gostou?”

 

Sobre a Carinos

A edtech (startup de educação) Carinos tem como foco principal criar produtos e serviços que envolvem a primeira infância, fase da vida das crianças que vai até os 6 anos de idade. 

Criada pelas empreendedoras Elisa Mansur e Angela Hernandez depois de estudarem no Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) e na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, a Carinos valoriza os cuidados infantis nesta fase da vida em que o processo de formação intelectual, motora e cognitiva impactarão diretamente no desempenho social, acadêmico e profissional da criança. 

Mais informações estão disponíveis em https://www.carinos.com.br/ 

Back To Top