skip to Main Content

Vale a pena comprar um aparelho de inalação?

Vale A Pena Comprar Um Aparelho De Inalação?

Os problemas respiratórios são bastante comuns, principalmente na infância. É difícil encontrar uma criança que nunca teve uma crise de rinite, sinusite, asma ou bronquite.

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

Porém, isso não costuma ser motivo para grande preocupação. Até porque, existem medicamentos e técnicas que promovem alívio, que incluem a utilização de um aparelho de inalação ou nebulização. Entenda melhor como esses aparelhos funcionam e se vale a pena comprar um para a sua família!

Inalador e nebulizador: para que servem?

Na prática, o aparelho de inalação e o nebulizador são iguais, pois possuem as mesmas funções: hidratar as vias aéreas e transformar um medicamento em vapor. Dessa forma, a absorção é feita mais rapidamente.

Esses aparelhos são indicados para as seguintes situações:

  • bronquite: inflamação dos brônquios que provocam edema, ou seja, o estreitamento da via aérea. Ao inalar o vapor, o muco se torna mais fluido e se torna mais fácil respirar;
  • asma: semelhante à bronquite, mas nesse caso a inflamação ocorre nas próprias vias aérea;
  • sinusite: caracterizada por dores de cabeça e congestão nasal;
  • rinite: causa espirros, nariz congestionado e olhos lacrimejantes.

É preciso ter um aparelho de inalação com criança em casa?

O inalador não é um item obrigatório da farmácia doméstica. Porém, quem tem filho pequeno e quer evitar saídas ao hospital, vale a pena ter um aparelho, sim.

Como esse equipamento se popularizou nos últimos anos, o preço dele caiu bastante. De acordo com estas informações do Extra Supermercado, um nebulizador custa R$ 159,90 e um inalador R$ 194,90.

Sem contar que são itens que podem durar por muitos anos, se forem bem-cuidados. Então, é ideal para famílias que podem e desejam garantir mais essa comodidade.

Além do mais, esse tipo de aparelho pode ser levado durante uma viagem, caso a criança tenha problemas respiratórios recorrentes. Assim, os pais não precisam se preocupar em ir a um médico desconhecido, já que, muitas vezes, o inalador é suficiente para auxiliar no tratamento.

Qual aparelho de inalação comprar?

Para acertar na escolha do aparelho, é necessário consultar um pediatra para saber qual é a meditação de uso recorrente. Um aparelho de inalação com sistema compressor podem receber grande parte dos remédios. Porém, eles são bastante barulhentos.

Por sua vez, os inaladores ultrassônicos são silenciosos, mas não podem ser usados em todos os casos. Há ainda os aparelhos de mão que, como o próprio nome sugere, são fáceis de serem transportados e não requerem energia elétrica.

Quais cuidados tomar com a inalação?

Para que a inalação gere resultados, é necessário tomar alguns cuidados. O primeiro se refere à quantidade. A vaporização feita apenas com soro pode ser feita até cinco vezes ao dia.

No caso do uso do aparelho com medicamento, é preciso seguir as orientações médicas. É como se fosse um remédio tomado em comprimido ou em gotas. Por isso, a alta dosagem pode ser prejudicial.

Também é importante que os pais fiquem atentos à criança durante o tratamento. Muitas não têm paciência ou acham chato inalar, por isso é necessário pensar em estratégias para que o filho se distraia durante a inalação e aceite mais tranquilamente.

Após utilizar o aparelho de inalação, também é necessário higienizá-lo e desinfectá-lo. Isso pode ser feito com uma solução de uma colher de sopa de água sanitária em um litro de água. Basta vinte minutos para que o aparelho fique completamente limpo.

Para evitar a contaminação por microorganismos, vale ainda secar bem todas as partes do equipamento e armazená-lo em um recipiente fechado – que pode ser o mesmo que veio de fábrica, desde que esteja higienizado.

Vale lembrar que, como tudo o que é aspirado vai direto para o pulmão, é fundamental utilizar o inalador apenas se ele estiver limpo. Caso contrário, substâncias nocivas podem prejudicar as vias respiratórias.

Ter um aparelho desse casa pode evitar visitas ao hospital e garantir mais sossego para a família. Até porque, muitas vezes, o desconforto que as crianças sentem com alergias e outros problemas de respiração podem ser resolvidos de maneira simples.

Back To Top