skip to Main Content
Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

Gravidinha e sem dores

Oi meninas... Quero começar a criar um espaço aqui dentro do blog especial para as mamães gravidinhas, lembro que quando eu estava gravidinha, vivia correndo na net atrás de informações de qualidade, meu baby tá crescendo, mas quero continuar a compartilhar informações especiais para as gravidinhas e hoje, uma reportagem realizada pela Jeanne Callegari e Thais Lazzeri, redatoras da Revista Crescer, de onde tirei uma super dica para aliviar as dores na coluna, espero que gostem: Cerca de 50% das…

Continuar lendo

To ali no vizinho!!!

Bom dia pessoas queridas do meu coração!!! Recebi um convite super especial do Caio, escritor do blog Pais Modernos para eu escrever um texto falando sobre a ma/ paternidade, adorei o convite e aceitei na hora mesmo. Hoje estou ali no cantinho dele falando sobre isso, homens e mulheres... o casal. Espero que gostem e voltem sempre no cantinho dele também!!! Para ler o artigo clique aqui

Continuar lendo

Evolução

É totalmente clichê, mas acompanhar todo o desenvolvimento daqueles que foram gerados dentro de nós, não tem preço! Oportunidade única. Momentos únicos e sem direito à reprises. Como eu disse noutro post aqui é tudo fase. A fase da amamentação, depois vem a fase de novos alimentos no cardápio, engatinhar, andar, falar, correr e por aí vai. Todas elas, sem exceção, são cativantes de seu modo e deixam histórias, lágrimas e risos a serem contados. Lembranças e mais lembranças! Hoje…

Continuar lendo

Convite especial

Oiiii queridas(os)... Hoje eu tenho o prazer de receber no meu cantinho, uma blogueira que é muito querida, mãe dedicada de duas meninas lindas a Natália, dona do blog Minha Maria, ela foi a seguidora número 100 do meu cantinho, e eu a convidei para falar um pouquinho do que é a maternidade para ela: Muita coisa a maternidade me ensinou, mas a mais extasiante foi descobrir que jamais teria tempo para mim mesma. Isso foi constatado há oito anos…

Continuar lendo

O que a maternidade fez comigo

Eu sempre fui uma pessoa sensí vel aos acontecimentos em geral, chorana em filmes e tudo mais. Me envolvo e me emociono fácil sim, mas e daí? E quando engravidei, um balde era pouco por dia, jornais, internet, revistas, propagandas, não havia limites pro envolvimento e pra sensibilidade. Lembrei disso ontem, quando fui buscar minha irmã no aeroporto, antes do vôo dela, chegou outro. Reparei que tinha um pai segurando um menino lindo, loirinho, meio com sono, mas acordado; não…

Continuar lendo

Tempo = raridade

Tudo bem que tempo não pode ser desculpa, mas tem tudo haver com prioridades. Fato é que depois que nos tornamos mães nós não somos mais prioridade nem pra nós mesmas, as coisas ganham novas dimensões e lugares. Falo disso porque eu estava lembrando o choque que isso isso representa no início para uma mãe de primeira viagem, pelo menos pra mim foi. Você está acostumada com uma vida, uma rotina e tudo isso muda de repente, vira de cabeça…

Continuar lendo

Pressão pós-parto

Ultimamente ando relembrando alguns aspectos da minha gravidez, verdade e mitos, coisas que vivi e acreditei. Tirei a capa de Super-Mãe e estou disposta a revelar algumas verdades que nem sempre são ditas. Definitivamente tem uma coisa na cabeça de toda mulher que acaba de dar a luz: “Quando vou voltar a usar as minhas roupas de antes da gravidez?” Fato é que adquirimos esse peso em nove meses e se pudéssemos faríamos desaparecer em menos de um segundo, não…

Continuar lendo

Percepção materna

Quando nascem nossos filhos, dizem que nasce junto uma mãe, porém para algumas não acontece assim, e isso às vezes pode gerar frustração, podendo aquela mãe achar que é a única mãe a não se sentir realmente mãe. Quero dizer para que fiquem tranqüilas, eu não sabia nem trocar uma fralda, não fiz aquele curso de gestante, não porque eu não queria fazer, eu queria! Mas na época tinha aquela gripo H1N1 e daí as gestantes eram aconselhadas a evitar…

Continuar lendo

Linguagem

Eu sei que cada criança tem seu tempo de amadurecimento, no momento delas, aprendem a engatinhar, andar, sorrir, falar e etc. Elas correspondem muito bem à medida que estimulamos, claro que não devemos estimular em demasia, pois elas precisam de tempo para que memorizem e pratiquem  o que aprenderam. Até pouco tempo meu filho falava pouquíssimas palavras, de três meses para cá deu um salto no desenvolvimento de uma maneira surpreende que chego a ficar encantada com ele todos os…

Continuar lendo
Back To Top