skip to Main Content

Protetor de berço: porquê este item é imprescindível para o quarto do bebê?

Protetor De Berço

Se você vai ter um recém-nascido, é bom pensar bem na decoração e organização do quarto de bebê bem antes dele chegar ao mundo. O ideal é que no final do primeiro trimestre você já comece a reunir ideias para deixar tudo prontinho, especialmente pensando que em alguns casos o bebê pode se antecipar – e também já prevendo possíveis atrasos na entrega e montagem de produtos.

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

No caso de berços, embora eles sejam encontrados facilmente na maioria dos estoques das lojas, alguns modelos podem levar de 6 a 8 semanas para serem fabricados. Os mais sofisticados, que contenham detalhes específicos, podem levar em torno de 12 a 16 semanas para chegar. Há muitos estilos, texturas e opções de cores disponíveis. Pense em tudo com carinho e, o principal, sem pressa! 

Por isso, você precisa pensar na funcionalidade do berço, refletindo se gostaria que ele tivesse algum item acoplado que ajude na troca do seu recém-nascido. Se gostaria que esse berço ofereça a versatilidade de se transformar em cama para quando seu filho, se gostaria de algum modelo com cômodas ou outras peças de armazenamento.

Então, siga estas recomendações e organize-se! Afinal, na sua 36ª semana, a única coisa que você vai querer é descanso e esperar que seu novo bebê chegue, não é mesmo?

Priorize sempre a segurança do seu bebê

Como pais, é nosso dever garantir que nossos filhos cresçam em um ambiente saudável e seguro. Assim como cuidamos de sua nutrição, desenvolvimento físico e mental, devemos levar em consideração a qualidade da roupa de cama e outros itens de têxteis para o lar que cercam nossos pequenos. 

Portanto, se você é pai ou mãe pela primeira vez e está em busca de roupas de cama de qualidade ou precisa de ideias para a decoração do quarto de bebê perfeito, pense sempre no melhor para o seu filho, sem deixar de lado a perspectiva de que o quarto primordial para ele não é o que está mais impecavelmente decorado, mas aquele que lhe garante conforto e segurança.

Qual é o melhor modo de ter um berço seguro? 

A pele dos bebês é sensível e requer atenção extra ao escolher itens para vestir ou dormir. Uma regra geral é usar tecidos feitos de fibras naturais, como linho e algodão orgânico, ao invés de algo sintético. Afinal, os tecidos puros têm propriedades naturais incríveis. 

Tanto o linho quanto o algodão são conhecidos pela absorção e respirabilidade, o que significa que seu bebê permanecerá seco e confortável durante a noite. Além disso, o linho é hipoalergênico e não permite a formação de bactérias, ácaros ou outros germes, tornando-o perfeito para quem tem pele sensível ou alergias.

Já os tecidos sintéticos podem agitar alergias e irritar a pele, causando erupções cutâneas. Embora eles possam oferecer uma variedade maior ou parecer mais suave ao primeiro toque, sempre considere o processo industrial que foi necessário para fazê-los parecer dessa maneira.

Que itens são obrigatórios em um berço?

Um erro que muitos pais iniciantes cometem é exagerar nos acessórios do berço dos bebês. Ter muitos itens no berço de um bebê pode ser perigoso e levar à asfixia. A Academia Americana de Pediatria afirma que a maneira mais segura de os bebês dormirem deitada de costas, em uma superfície firme com pouco ou nada ao seu redor. 

Portanto, se você estiver fazendo uma lista dos itens essenciais do berço, aqui está o que você realmente precisa: 

  • Um colchão de berço firme e uma capa impermeável para proteger o colchão de vazamentos, percevejos, ácaros e outros alergenos internos;
  • Um lençol de berço equipado que protegerá ainda mais o colchão, mas também melhorará o sono do seu bebê. É importante garantir que o lençol fique bem apertado ao redor do colchão e não seja desfeito enquanto o bebê estiver na cama;
  • Uma saia de berço pode ser considerada para fins decorativos. Eles também encobrem o armazenamento sob o berço, adicionando uma aparência mais sofisticada a ele.

 

Não precisamos dizer que os bebês – e muitos papais e mamães – podem cometer sujeiras no berço, mesmo que sem querer. Derramamentos, vazamentos, babas, etc. Por isso, a principal recomendação para lavar os lençóis do bebê é de 1-2 vezes por semana. Lembre-se que a capa do colchão também deve ser lavada pelo menos uma vez por semana para manter seu bebê feliz e saudável. 

Ademais, se você está se perguntando sobre quando um bebê pode começar a usar um travesseiro, lembre-se que: quando se trata de travesseiros e outros itens de cama macios, o bebê já precisa se mover sozinho. Ou seja, ele deve ser utilizando quando o bebê for capaz de rolar, sentar ou ficar de pé. Dessa forma, ele não será embrulhado por um tecido solto. Mais comumente, é depois que a criança tem um ano de idade que deve ter um travesseiro no berço – exceto em casos de refluxo.

Protetor de berço superior é mesmo necessário?

Se você precisa cuidar de atividades domésticas ou pretende deixar o bebê dormindo sozinho durante o dia ou à noite, vale à pena investir na compra de uma proteção extra, para a parte superior do berço do seu bebê.

Muitos modelos vêm com um suporte para colocar mosqueteiro, o que ajuda na proteção do seu filho contra picadas de insetos. Além do mais, tendo uma proteção bem firme, a possibilidade de, quando seu bebê começar a ficar em pé, ele vir a tentar pular do berço e cair é praticamente zero.

Além de serem muito práticos de colocar e retirar, o protetor de berço superior podem ser uma ótima forma de ter a absoluta certeza de que seu bebê não estará exposto a nenhuma situação de insegurança – especialmente se tiver também animais domésticos em casa ou irmãozinhos um pouquinho maiores.

Todas essas opções podem ser um tanto quanto assustadoras no começo, mas com um pouco de planejamento, você pouco a pouco poderá decidir o que funcionará para decorar o quarto de bebê dos seus sonhos!

Gostou destas dicas? Pois então continue acompanhando nossos artigos sobre a decoração de quartos para bebês! Aproveite e compartilhe este post em suas redes sociais!

Back To Top