skip to Main Content

Meu filho tem perfil de exatas?

Meu Filho Tem Perfil De Exatas?

Durante o Ensino Médio ou até mesmo em alguns momentos na faculdade, o estudante pode se deparar com a seguinte pergunta: “será que a área de exatas é realmente para mim?”. Como pais, também podemos nos empolgar em acreditar que nosso filho tenha um perfil de exatas porque gosta de matemática, não é mesmo?

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

Essa é uma dúvida extremamente comum, que assola diferentes pessoas em vários momentos da vida. Principalmente aquelas que não se encaixam exatamente na divisão clássica das áreas de ensino – ou seja, humanas, exatas e biológicas.

Um fato importante – que precisa logo ser esclarecido – é que apenas gostar de números e de matemática não será suficiente para fazer com que o estudante se encaixe em um curso de exatas por muitos anos. Afinal, se interessar por contas, apesar de essencial, não bastará quando o aluno encarar uma tabela de distribuição de frequências durante uma disciplina de estatística, por exemplo.

Ser ou não ser de exatas, portanto, requer alguns traços específicos, que falam muito mais da personalidade e do perfil do estudante do que uma aptidão nata e uma genialidade ímpar.

Para auxiliar os pais e os alunos que ainda estão na dúvida se escolherão um curso da área esse conteúdo é para vocês.

4 características do aluno com perfil de exatas

Raciocínio lógico

Ter raciocínio lógico e estratégico é um dos pontos mais importantes para gostar de um curso de exatas. Ou seja, é essencial que o estudante consiga ou pelo menos se interesse em identificar padrões numéricos, além de tentar prever constâncias e repetições.

É por meio do raciocínio lógico que o aluno irá procurar resolver problemas, nunca se limitando a uma simples fórmula decorada. Por isso, a tendência é focar na utilidade e na lógica de todo o processo.

Essa característica será de grande ajuda quando o estudante tiver que interpretar dados e números, como os presentes em um Gráfico Ramo-Folha, ao longo de sua graduação.

Gostar de resolver problemas

É fácil perceber quando alguém tem alguma aptidão pela área de exatas pelo seu gosto em resolver problemas. O perfil de exatas é aquela pessoa que dificilmente desistirá ao se deparar com um dilema. Assim, ela tende a encará-lo mais como um desafio, que o fará crescer, do que como um obstáculo.

Provavelmente será aquela pessoa que se pega analisando como seria a melhor disposição dos móveis da sua sala ou, ainda, tentando solucionar algum problema no computador ou celular ao em vez de contar apenas com apoio de um técnico logo de cara.

Facilidade com modelos abstratos 

Nas ciências humanas, na maioria das vezes, as teorias podem ser observadas facilmente na sociedade. Muitos conceitos são aplicados e usados no dia a dia e isso pode, por vezes, facilitar o aprendizado.

Já nas exatas, diversos modelos são abstratos, uma vez que não são tão facilmente visíveis na rotina. Isso significa que não é raro que grandes teorias e equações não passem de números escritos em uma folha.

O que para tantos da área de humanas pode ser um pesadelo é, na verdade, um grande desafio para alunos de exatas. A capacidade de enxergar complexidades e possibilidades em problemas numéricos é mais fácil de ser encontrada nesses estudantes.

Portanto, a abstração pode ser extremamente útil para cursar disciplinas da área.

Acompanhar as inovações 

Muitos cursos de exatas se propõem a buscarem soluções para diversos problemas da sociedade, por meio da tecnologia.

E não é novidade que o universo tecnológico evolui mais rápido a cada dia que passa, apresentando sempre novas técnicas e ferramentas.

Dessa forma, é essencial que o estudante se interesse em acompanhar os avanços e as inovações do meio, além de se animar com a ideia de contribuir para o progresso de uma nação.

E, aqui, entram novamente tanto o raciocínio lógico quanto o desejo por resolver problemas. Afinal, muitas tecnologias partem da vontade de solucionar algumas necessidades da sociedade.

 

E aí, será que seu filho tem mesmo o perfil de exatas? Ajudou a esclarecer suas dúvidas com relação ao futuro profissional que ele pode se tornar?

Ah, lembre-se de me seguir no Instagram – @karinpetermann – Sempre tem conteúdos interessantes por lá também!

Back To Top