skip to Main Content

8 Dicas para montar o enxoval do bebê on-line

Montar O Enxoval Do Bebê Pela Internet

O período de pandemia tem sido especialmente desafiador para as mulheres grávidas. Além de todas as mudanças no corpo e as incertezas que acompanham a gestação, elas ainda estão precisando se virar nos 30 para fazer o enxoval sem sair de casa. Para tornar essa tarefa mais fácil, a Ops!Cresci, aplicativo de e-commerce colaborativo especializado em artigos infantis, preparou um passo a passo de como montar o enxoval do bebê pela internet.

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

As dicas foram elaboradas pela fundadora da Ops!Cresci, Natália Mennocchi, que por conta de uma gestação gemelar precisou desacelerar a partir da 26ª semana e recorrer à internet para deixar tudo pronto para a chegada de suas meninas.

Confira as dicas para montar o enxoval do bebê on-line

1. Faça uma lista objetiva

O primeiro passo, assim como no enxoval presencial, é definir a lista de produtos. Além das listas disponíveis na internet, vale a pena conversar com amigas que tiveram filhos recentemente para saber se todos os itens realmente são usados no dia a dia. O mercado de produtos infantis lança produtos constantemente, mas nem todos eles são realmente essenciais.

2. Invista nos seminovos

A tendência das mães de primeira viagem é querer comprar tudo novo. No entanto, quem tem filho sabe que o bebê cresce muito rápido e, muitas vezes, não usa tudo o que foi comprado. Por isso, adquirir produtos seminovos acaba sendo uma excelente forma de economizar.

A dica mais importante, ao optar por montar o enxoval do bebê pela internet, é fazer a transação por meio de plataformas seguras que possam garantir a qualidade dos produtos e a devolução do dinheiro se a peça não for enviada. Há diversos grupos de vendas entre mães nas redes sociais, mas é comum ver relatos de produtos que não foram enviados ou que chegaram em estado diferente do anunciado.

“Eu recomendo que a mãe compre de segunda mão tudo aquilo que estiver disponível e em boas condições, desde roupas até o carrinho”, diz Natália. Segundo a empresária, um dos itens usados que poucas mães pensam em comprar, por exemplo, é o macacão de maternidade. Como ele é usado apenas na maternidade e em poucas visitas, acaba sendo vendido em estado de novo.

3. Pesquise a reputação das lojas

Se você não for comprar apenas em lojas com endereços físicos ou marcas famosas, investigue a reputação dos e-commerces no Reclame Aqui e nas redes sociais. “É importante lembrar que um site bonito não significa, necessariamente, que a loja é confiável. Eu recomendo entrar nas redes sociais e ler os comentários feitos por outras mães”, explica Natália.

4. Verifique as formas de pagamento

Ao acessar a loja, veja se as formas de pagamento estão de acordo com o meio que você deseja pagar. Observe se o site conta com cadeado na barra de endereços e selos de segurança. E em caso de pagamento com cartão, opte por gerar um cartão on-line para fazer a transação.

5. Pesquise os preços

Um mesmo produto pode ter uma enorme variação de preço. Por isso, uma boa dica é recorrer aos sites de pesquisa de preço que permitem comparar valores e, inclusive, criar alertas.

6. Utilize cupons de desconto

Muitas lojas virtuais oferecem cupons de desconto em suas redes sociais ou para a primeira compra feita pelo cliente. Certifique-se de aproveitar essas oportunidades.

7. Confira o prazo de entrega

Algumas lojas de artigos de bebê contam com prazo de entrega superior a 30 dias por venderem produtos importados ou fabricados em cidades do interior. Por isso, verifique se o prazo faz sentido para a sua necessidade.

8. Economize no frete

O grande vilão das compras virtuais acaba sendo o frete. Por isso, faça as contas e tente concentrar as compras em poucas lojas. Verifique também aquelas que oferecem frete grátis a partir de determinado valor e as que permitem fazer a compra on-line com retirada na loja.

É importante lembrar que, independentemente da pandemia, nem sempre fazer compras presencialmente é uma experiência simples. Muitas gestantes ficam inchadas, com dificuldade de mobilidade e precisam ir ao banheiro várias vezes, o que acaba tornando as compras cansativas. Ao optar por montar o enxoval do bebê on-line é uma opção prática e muito recomendada.

Back To Top