skip to Main Content
Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

5 cuidados com a saúde bucal na infância

5 Cuidados Com A Saúde Bucal Na Infância

A infância é a fase em que muitos hábitos são estabelecidos e, por isso, cuidar da saúde bucal é um hábito que deve ser prioridade em qualquer fase da vida, especialmente na infância.

Receba dicas e conteúdos sobre gravidez, maternidade e criação de filhos. Compartilhando aprendemos mais

Fica ainda mais fácil quando criamos esse hábito de cuidado durante os primeiros anos de vida. E, sim! os pais possuem papel fundamental nisso. Isso porque as crianças não conseguem estabelecer uma limpeza bem feita.  

O primeiro passo para que esses cuidados sejam colocados em prática, é contar com a ajuda dos pais e de um profissional. Muitas pessoas acham que os cuidados bucais devem ser enfatizados na adolescência, período em que o dentes começaram apresentar maiores problemas. 


Mas muito se enganam! Os cuidados começam até mesmo durante a gravidez. 

As visitas a uma clínica odontológica é recomendada que comecem até mesmo antes dos dentes de leite nascerem nos bebês. Isso porque, o dentista pode verificar se está tudo bem com a boca, se os dentes nascerão sem problemas e, quando nascer, quais alimentos são mais recomendados para o consumo.

Por isso, é interessante buscar um bom profissional que faça o acompanhamento por todo o desenvolvimento da criança, por exemplo. Os dentistas indicam que a frequência ao dentista deve ser feita a cada 6 meses, considerando esse espaçamento o ideal. 

Apesar de toda a frequência e do acompanhamento com um profissional, é necessário que tenha alguns cuidados pessoais durante o dia a dia. 

Quer saber mais? Continue lendo este artigo!

Como começar a cuidar da saúde bucal na infância

Os cuidados vão além de uma consulta odontológica 2 vezes ao ano ou escovar os dentes apenas ao acordar. 

Além disso, é importante que os responsáveis pelas crianças tenham a consciência de que elas precisam de ajuda em casa, que pode ser ensinado por um profissional.

Para isso é indicado pesquisar por profissionais que tenham especialização na área da odontologia que saiba lidar com a saúde bucal infantil, como um Odontopediatra. 

Então, vamos começar com as dicas começando por ele:

1. Odontopediatra

Os custos de visitas a um dentista com a frequência recomendada podem ser altos e, por isso, é indicado que faça a adesão a um convênio odontológico, por exemplo.

Isso porque ele costuma ser o mais completo de todos, já que o tratamento com aparelho ortodôntico é uma das coisas que mais exigem investimento.

2. Escovar 

O mais óbvio de todos, mas que pode ser falho se não tiver um bom supervisionamento dos pais. Por isso, sempre lembre a criança de que ela precisa escovar os dentes, pelo menos, três vezes ao dia, ao acordar, após almoçar e antes de dormir. 

Mas também incentive ela a escovar no colégio, a presenteando com um kit de escovar os dentes, que ela tenha vontade de usar. 

3. Utilizar fio dental

Durante um tempo, é responsabilidade dos pais desenvolver essa função, até que a criança realmente aprenda como fazer.

A partir disso, é a vez dela utilizar sempre o fio dental após as escovações, sabendo da importância da remoção de resíduos que ainda ficam nos dentes.

4. Alimentação

É na infância que as crianças têm a tendência a comer mais doces e comidas que são mais prejudiciais à saúde bucal.

Por isso é necessário ensinar o tamanho da importância de realizar a higiene bucal após refeições e lanches, onde quer que elas estejam.

5. Chupeta e mamadeira

O uso de chupeta e mamadeira pode começar com a criança ainda sem nem ter os dentes de leite. Isso já é um grande erro, pois irá atrapalhar que eles nasçam do jeito certo.

Apesar de os cuidadores ter noção dos riscos, muitas crianças não são repreendidas no uso. Às vezes são até mesmo incentivadas para acalmar.

Porém, isso pode ser um problema para os futuros dentes permanentes, que podem nascer de forma errada, sendo necessário o uso de aparelho ortodôntico. 

Um investimento para a vida toda

Que neste artigo você tenha entendido a importância de investir na saúde bucal das crianças, pois tudo começa nelas. Caso contrário, os danos do futuro de um adulto podem ser gravíssimos.

Por isso não deixe de contratar um plano dental não apenas para a criança, mas para toda a família também, o que pode sair até mais em conta.

Não esqueça que a saúde bucal é para a vida toda!

 

Conteúdo produzido por Sther Freire | Produtora de conteúdo na Ideal Odonto

Back To Top