sexodobebe3

 

Oiii…

 

O sexo do nosso primeiro filho descobrimos logo com 13 semanas, na ultrassom com translucência nucal. Ele colaborou, claro! Do segundo, existe chance que seja menina. Mas até fazer a ultrassom do segundo trimestre, não tenho certeza.

Na primeira gestação fiquei pensando como as mães conseguem aguentar a curiosidade e descobrir o sexo do bebê só depois das 20° semana… Agora advinha… estou nessa!!! hahaha

 

Na primeira vez que fiz os exames de sangue, o laboratório informou que eles realizam a tal da sexagem fetal.  É um exame bem tranquilo e pode ser realizado a partir da 8° semana de gestação. É feito através da coleta de sangue da mãe, pelo qual, é possível analisar o DNA do feto. A análise consiste em identificar o cromossomo Y. Isso porque as mulheres possuem dois cromossomos X (XX) e os homens um cromossomo X e um Y (XY).  Bem histórinha para lembrar nossas aulas de biologia.

É um exame que corresponde a quase 100% de certeza do sexo. Por exemplo: Se no exame identificar o cromossomo Y, quer dizer que estão esperando um menino. Se não encontrar, quer dizer que será uma menina. O mesmo vale para gêmeos univitelíneos.

 

O exame pode dar errado, se por ventura a mãe recebeu doação sanguínea do sexo masculino.

 

Por enquanto o exame ajuda apenas na identificação do sexo do bebê, pois o DNA do filho presente no sangue materno é em pequena quantidade. Mas existem estudos para distinguir possíveis doenças.

 

Aqui na minha cidade, o exame custa R$ 280,00.

 

Se você é uma daquelas mamães que não aguenta segurar a ansiedade vale a pena pesquisar o preço…. ouuuu… aguentar um pouquinho… hihi

 

Mas o mais importante, sem dúvidas, é que o bebê venha com muita saúde, energia, disposição, que ele seja motivo de carinho, amor e paz na casa de vocês!

 

Beijos meninas… e boa sorte!

Mãe do Cauê e da Catarina 🙂





Confira também