Depois do post de sexta-feira fiquei pensando nas opções que o mercado oferece desse item fundamental para as nossas bolsas… E descobri que na verdade não existem tantas opções assim, confiáveis! Encontrei uma coisa bem bacana, uma pesquisa realizada pela Revista Veja que quero compartilhar aqui com vocês:

guia2 guia3

Para conferir a reportagem completa: Acesse aqui

 

Na verdade, até pelos gráficos percebemos que nada substitui a lavagem das mãos com água e sabão, temos que cuidar também para não fazer o uso excessivo do gel e torná-lo um vício. Deve ser usado quando não temos como recorrer a método mais tradicional, digamos assim.
Vale lembrar que na composição do gel antisséptico existe uma porcentagem relativa de álcool, que naturalmente em sua propriedade tende a ressecar as mãos. Por isso é importante também carregarmos sempre um creme hidratante para as mãos.

Vamos manter nossas mãos sempre limpas e deixar as doenças para fora de nossa casa! Amém!!!

 

Beijinhos

Karin

 

Se você gostou deste post, talvez queira ler mais:

Mãe do Cauê e da Catarina 🙂





Confira também